CALDER ETERNO

Um grande trabalhador, Alexander Calder (1898-1976), o inventor do móbile, inspirou parte de meu Jardim de Esculturas (pro cenário de um programa de tv). Que inspirou a criação de acessórios da minha coleção Móbile.

Meu Jardim foi desmontado, o programa de tv acabou, a coleção Móbile está esgotada. Aliás, nem crio mais acessórios*. Mas, Calder sobrevive, através de sua obra. É eterno. A-do-ro.

* Quando bater uma vontade, crio mais: poucos (LER pela digitação no jornalismo e pelos movimentos repetitivos na pintura, uma cirurgia no ombro esquerdo, pulso esquerdo estourado nas intermináveis horas de confecção manual dos protótipos de bijoux e jóias), #chegadequeixa, ao trabalho já 

Deixar uma Resposta